12/02/2012

Memories


Ontem resolvi virar a arrecadação do avesso, em busca das minhas revistinhas de moda para vos mostrar aqui. Infelizmente não encontrei nada (ohhhhhh) mas descobri outros tesourinhos (não tão deprimentes) que por momentos que fizeram viajar no tempo. Ainda faço um post sobre essas coisinhas que encontrei, porque achei mesmo giro ;)
Mas entretanto pus-me a pensar. Eu realmente sou uma pessoa de recordações. Guardo praticamente tudo porque sei que um dia me vai ter valor sentimental. Seja bilhetes de cinema, talão de um jantar especial, blusa que mais usava em determinada época, boneca favorita, bilhetinho que alguém me escreveu...Enfim guardo um pouco de tudo e o meu pai é igual. E isso é muito bom, porque na minha opinião, consigo voltar atrás no tempo e ter uma visão mais nítida do que se passou (isso aconteceu hoje com os meus diários de 97-99 que encontrei eheh). Já a minha mãe, considera que são coisas velhas, encardidas pelo tempo, e o lixo é a melhor solução. (Se ela sequer sonhasse que tenho uma gaveta cheia de recordações como talões e bilhetes de cinema ia tudo fora basicamente).
Queria então peguntar-vos: São pessoas de recordações? Guardam algum objecto em especial que vos relembre uma determinada época? Gostava de conhecer as vossas recordações...  
E se cada um de nós partilhasse no seu cantinho uma recordação que lhe seja muito querida? Fica o desafio, aceitam?

22 comentários:

  1. obrigada :) farei o mesmo com o teu e um dia farei este desafio por ti lançado :)

    ResponderEliminar
  2. sou igualzinha a ti! Já no outro dia estava a pensar em fazer qualquer coisa do género, e já que lançaste o desafio, aceito-o :b

    ecoutemoiregardemoi.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. ahah, nem por isso fofinha :p beijinho

    ResponderEliminar
  4. Também tenho essa mania... Um dia destes aceito esse desafio!

    ResponderEliminar
  5. Aceito o desafio para breve!

    Eu guardo muita coisa, ainda tenho os primeiros bilhetes de cinema do Harry Potter, bilhetes escritos na escola pelas minhas melhores amigas no meio da aula de matemática, enfim uma data de coisas que adorava retirar da caixinha. Veremos. :D

    http://glamourinabottle.blogspot.com

    ResponderEliminar
  6. Um desafio que talvez siga sim :p
    Eu tenho algumas recordações guardadas, acho que ao longo da vida todos fazemos isso, pode ser pouco material, mas todos eles têm uma historia para ser contada, um passado de certo risonho para recordar. Coisas tristes que se passaram na minha vida, não costumo guardar nada, a não ser um caderno e um pequeno diário que tive em tempos de adolescente e lá estão descritos alguns momentos menos bons :)

    ResponderEliminar
  7. Olá amiga... Vim agradecer sua visita e em seguir meu blog também. Gostei muito do seu blog, por isso estou seguindo e pretendo vir sempre aqui para saber das novidades, ainda bem que temos a TRADUÇÃO GOOGLE, assim podemos fazer amizades com o mundo todo não é mesmo?
    Volte sempre que puder, será bem vinda.
    Ótimo domingo e excelente semana a minha mais nova amiga e família.
    Aus com amor e carinho das amiguinhas do Brasil ...

    KIPPY & Mamis LILLY

    ResponderEliminar
  8. Sou exactamente como tu. Gosto de guardar tudo o que me traz recordações. A minha mãe, às vezes, fica irritada porque diz que só guardo lixo. Mas para mim, é muito importante. Gosto de relembrar esses momentos mais tarde e sorrir com isso.

    Um beijinho e bom domingo.

    ResponderEliminar
  9. E costumava guardar muita coisa, mas depois passou-me mais, agora guardo algumas coisas, somente as mais importantes. Bjs

    ResponderEliminar
  10. Eu posso eventualmente mencionar as minhas recordações no meu cantinho, mas sabes...temo dizer-te que as minhas recordações só guardam mágoa ... pois nenhuma delas se manteve firme até hoje :( mas de vez enquanto cá me ponho eu a ler as cartinhas que em tempos foram tão especiais para mim :')

    ResponderEliminar
  11. Que posso eu dizer??? Por muito que tente desfazer-me, algumas coisas ficam na gaveta!
    Aguardo o desafio!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  12. É tão bom relembrar das coisas boas que passaram em nossa vida,
    eu sempre procuro matar a saudade.
    beijos e bom domingo

    ResponderEliminar
  13. Challenge accepted, como diz o meu caro amigo Barney :P

    ResponderEliminar
  14. Estou a tentar me mentalizar que tenho de fazer as malas... quando acabar logo te digo o que veio só porque o coração não deixou q ficasse pra trás!;P

    ***sara, chips-ina-fishbowl.blogspot.com

    ResponderEliminar
  15. Eu sou, tenho muitas coisas guardadas de recordação numa caixinha :b *

    ResponderEliminar
  16. Recordações?? Ui,ui... eu sou daquelas que até uma simples colher de café ou de gelado, um papel me transporta no tempo, escusado será dizer que na minha garagem muito mais de metade das caixotas são minhas cheias de coisas, cada ma como oseu significado. :) kiss

    ResponderEliminar
  17. ui, não guardo nada de recordações! Quando era pequena sim guardava tudo e depois custava deitar fora e só ganhavam pó, por isso passei a guardar as recordações todas somente em fotos e na cabeça! Mas também te digo a minha cabeça é um baú enorme, lembro de quase tudo, mesmo do que não quero! :S

    Giveaway no blog.Participa!
    http://paginaaolado.blogspot.com/2012/02/clubcouture-giveaway.html

    ResponderEliminar
  18. Num momento de raiva adolescente mandei grande parte das minha recordações para o lixo. E agora tenho imensa pena, mesmo. O que tenho é tudo muito recente.

    ResponderEliminar
  19. Eu bem tento guardar , mas a minha mãe é como a tua . Mal apanhe alguma coisa que está fora do sítio , deita logo no contentor +.+ As únicas coisas que tenho guardadas são só mesmo bilhetes de avião , de metro e assim que me recordem as viagens a outros países ^^ Ah , e as prendinhas que o T. me oferece { postais e assim ) *

    Aiii , eu sei que não doi tanto assim , mas tenho um pânico de morte a agulhas e só de pensar fico logo tolinha *.*

    ResponderEliminar
  20. Sim, guardo montes de recordações de momentos especiais, tenho um diário de quando tinha 19 anos, e muitas vezes vou ler para me rir um bocadinho, era tão naif, também guardo todas as cartas que o meu marido me escreveu quando ainda estavamos no ínicio do nosso longo namoro, vou guardar para um dia mostar-mos aos nossos netos.

    ResponderEliminar