17/03/2012

17. Frase/Poema

Sou fã da Florbela Espanca, sempre fui. Como tal, hoje deixo-vos com um bonito poema dela que cada vez que leio, já quase o faço a cantarolar, já que a queriduxa de uma amiga minha compôs uma lindaa canção para piano, em que a letra é precisamente esta ;)
Até a punha por aqui mas ela é capaz de não gostar, quem quiser envio link por mail ;)


Os versos que te fiz

Deixe dizer-te os lindos versos raros
Que a minha boca tem pra te dizer !
São talhados em mármore de Paros
Cinzelados por mim pra te oferecer.

Tem dolencia de veludo caros,
São como sedas pálidas a arder...
Deixa dizer-te os lindos versos raros
Que foram feitos pra te endoidecer !

Mas, meu Amor, eu não te digo ainda...
Que a boca da mulher é sempre linda
Se dentro guarda um verso que não diz !

Amo-te tanto ! E nunca te beijei...
E nesse beijo, Amor, que eu te não dei
Guardo os versos mais lindos que te fiz.

20 comentários:

  1. Gosto tanto... Ela escrevia lindamente!

    Um beijinho *

    ResponderEliminar
  2. tambem gosto muito dela..do que escrevia.. :) bom fim semana beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Ah eu adoro Florbela Espanca! Estou doida por ver o filme! "Sou uma céptica que crê em tudo..." :')

    ResponderEliminar
  4. Eu também sou fã :))) E adorava ir ver o filme, mas ainda não deu jeito

    ResponderEliminar
  5. Quem havia de dizer que uma vida tão inquieta seria berço de tamanha maravilha. Parece que é preciso ter vida complicada para se ser génio.

    ResponderEliminar
  6. Não a conhecia, mas gostei do poema! Bjoss

    ResponderEliminar
  7. Gostei bastante do poema, quando andava na escola lembro-me de estudar sobre ela e sinceramente? Foi uma grande mulher.

    ResponderEliminar
  8. Lindeza, vim te desejar um bom final de semana *-*
    E aproveita pra te convidar á conhecer o meu grupo no face. É uma espécie de brechozinho ^^
    http://www.facebook.com/groups/193331627439694/
    Cheirinho!
    @Haylla_bsb

    ResponderEliminar
  9. Adoro, adoro, adoro. É a minha poetisa favorita. :)

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  10. Adoroooooo
    Todos são lindos, a minha Poetisa Favorita igual a Sofia...
    Todos os seus poemas tem encanto e ternura

    Bjstos

    ResponderEliminar
  11. Muito lindo o poema...não conhecia!
    Gostaria muito de ouvir a composição de sua amiga...
    Agradeço de coração se me mandar o link para o mail isae.diario@gmail.com
    Um beijinho!

    ResponderEliminar
  12. eu também gosto muito dela... :)
    a biblioteca da minha antiga escola secundária até tinha o nome dela...

    ResponderEliminar
  13. Olá bom dia.Obrigada pela visita.Este cantinho é cheio de surpresas,pois senao,quem encontro,a minha Heroina de sempre,Florbela Espanca,amo de paixão.Obrigada pela partilha.
    EuEu sou a que no mundo anda perdida,
    Eu sou a que na vida não tem norte,
    Sou a irmã do Sonho, e desta sorte
    Sou a crucificada ... a dolorida ...

    Sombra de névoa ténue e esvaecida,
    E que o destino amargo, triste e forte,
    Impele brutalmente para a morte!
    Alma de luto sempre incompreendida! ...

    Sou aquela que passa e ninguém vê ...
    Sou a que chamam triste sem o ser ...
    Sou a que chora sem saber porquê ...

    Sou talvez a visão que Alguém sonhou,
    Alguém que veio ao mundo pra me ver
    E que nunca na vida me encontrou!

    Florbela Espanca, in "Livro de Mágoas"

    ResponderEliminar