17/08/2012

Do abandono dos animais


Agora que estamos em pleno Verão, há um tema que vem inevitavelmente à baila - o abandono de animais. Não sei se é por esta temática estar na berra durante os meses de Verão, mas toda a gente fala nisso. Já eu, penso nisso seja Verão ou Inverno, e é algo que me choca imensamente. Todos nós conhecemos histórias de cães abandonados em plena auto-estrada...Muitos correm atrás dos carros em desespero acabando por ser atropelados...Leais até ao fim. São coisas das quais me custa falar, pois a crueldade humana por vezes é tão grande, que eu nem acredito que exista em tais proporções...Mas quem é a pessoa capaz de abandonar um animal, que deveria amar e cuidar desde o primeiro dia, até ao fim dos seus dias? Essa pessoa consegue dormir à noite depois de o fazer? Acho sinceramente que deveria haver algum tipo de lei que punisse grandemente quem o faz...Porque é que saem sempre impunes?
E depois os canis e associações é que vão enchendo e enchendo até atingirem o seu limite...Eu sei que dão tudo o que podem a estes animais, mas a mim dá-me um aperto no coração, ver os animais presos em jaulas, à espera que alguém os venha buscar, algo que muitas das vezes simplesmente não acontece...
Outra das coisas que me deixou de olhos em bico há já algum tempo, foi ver uma blogger fazer um pedido de donativos para uma associação animal, e outra blogger conhecida responder-lhe "se fosse pessoas ajudava, agora como é animais..." Os animais não têm direito a ser ajudados???? São menos que as pessoas?? O que me assusta mesmo é que como ela, há muita gente com a mesma mentalidade...Eu infelizmente não ajudo porque não posso, mas assim que tiver uma base financeira na qual me apoiar,  vou ajudar sempre que puder, acho que é nosso dever enquanto bons cidadãos!
E os que como eu não podem ajudar, acho que tendo uma mentalidade de que os animais são dignos de amor, respeito e carinho SEMPRE, já é um passo dado para a mentalidade deste país mudar...

35 comentários:

  1. Como concordo com as tuas palavras
    Infelizmente é algo que se repete todos os dias, o abandono, as atrocidades que fazem aos nossos melhores amigos é injusto não haver uma lei que os proteja
    Bjstos quida

    ResponderEliminar
  2. Custa-me tanto saber que há gente que faz isso. Gostava de apanhar essas pessoas em flagrante para lhes dar com um cano de esgoto na tromba, amarra-los a uma árvore e deixa-los ao abandono para verem como é.

    ResponderEliminar
  3. Concordo plenamente, sempre adotei meus bichinhos e eles sempre foram os mais fofos e amados!

    A Lei deveria punir mesmo!

    adorei o post!

    xoxo

    www.nuasecruas.com

    ResponderEliminar
  4. Considero que a decisão de ter um animal de estimação é equivalente à decisão e ter um filho. Requer dedicação, tempo, amor, dinheiro. Não há tempo para egoísmo, para adiamentos. Ou se quer e se pode e se assume, ou não vale a pena, obrigada!

    Bom fim-de-semana!
    bjs

    ResponderEliminar
  5. Tens toda a razão naquilo que falas mas infelizmente o abandono já não é uma coisa que acontece apenas no Verão, quem está dentro da causa sabe que isto se passa todos os dias o ano inteiro.
    Sou voluntária há 4 anos numa associação que cuida dos animais que estão no canil e também dos animais de rua e infelizmente sei bem do que falo.
    Sei de histórias e já vivenciei coisas que ás vezes até tenho medo de contar a outras pessoas.
    Quanto á parte de não teres meios financeiros, se quiseres ajudar há muitas formas de o fazeres sem teres que gastar 1 cêntimo.
    Podes ser voluntária nalguma associação e ires passear os cães, podes ajudar divulgando os animais que têm para adopção e dando a conhecer a associação, podes ajudar em campanhas de recolha de donativos e ração, se tiveres um cantinho em tua casa podes ser FAT (familia de acolhimento temporário) para se fazerem pós operatórios de esterelizações ou castrações de cães ou gatos.
    Como vês o essencial é estar sensibilizada para a causa animal e ter vontade de ajudar.
    E quando me vêem com a conversa de que há tantas pessoas para ajudar em vez dos animais, eu simplesmente faço uma pergunta a essa pessoa: Quantas pessoas ajuda a senhora?
    Na maior parte das vezes gaguejam e vai-se a ver e não ajudam nenhuma.
    Eu também ajudo pessoas seja através de associações e até de forma particular mas mais activamente são os animais que ajudo.
    Até porque já ajudei pessoas directamente e as coisas não correram bem e com os animais isso não acontece, eles ficam sempre agradecidos, seja com uma festa, um biscoito ou um passeio tudo para eles é uma alegria.

    ResponderEliminar
  6. O problema é que muita gente quando compra ou arranja um animal não tem consciência de que tem de cuidar dele, pensam que não dá trabalho nenhum... Mas para mim ter um animal de estimação é ter mais um membro na família, por isso deve ser cuidado e respeitado como tal! Mas hoje em dia já não há respeito no mundo, se as pessoas se maltratam e abandonam umas às outras como se de lixo se tratassem com mais facilidade fazem isso a uma animal, infelizmente! :/

    ResponderEliminar
  7. O problema do abandono é a mostra conclusiva que o ser humano perdeu a capacidade de amar.

    Beijo

    ResponderEliminar
  8. Neste pequeno País, que se diz desenvolvido, existe falta das bases da existência da condição de vida digna... Um País que apoia Touradas em vez de apoiar as Associações de Animais abandonados, um País que não tem um hospital público com urgências para os animais, um País onde ainda existem bestas humanas capazes das maiores atrocidades com os que indefesos... Eu apoio monetariamente algumas associações mas não precisam apenas de dinheiro... podes ajudar na manutenção das mesmas, limpeza das boxes, dando alimentos a animais doentes ou em recuperação ou mesmo apenas passando cães :D. O abandono é um gesto que nunca vou conseguir compreender e estou cada vez estou mais convicta do que sempre afirmei ainda criança: Gosto mais dos animais que dos Homens! Essas craturas que nos ensinam que é preciso tão pouco para sermos felizes e que apesar de tudo mostram sempre afecto ;). Falando nisso hoje vi um Labrador Castanho chocolate com coleira junto às Bombas da Galp perto do Estádio do Jamor, como não pude parar, já accionei ajuda, como pude mas já não o encontraram... se o virem, por favor, contactem-me.

    ResponderEliminar
  9. Concordo com tudo o que disseste !
    Há pessoas capazes de fazer as maiores atrocidades aos animais , não sei como vivem bem com elas próprias .
    Tenho uma cadela à 15 anos e quando ela era pequenina roubaram-ma por acharem que ela era boa para a caça e abandonaram-na numa serra .. foram quase 5 dias do mais horrível , foi como se me tivessem levado um pedaço do coração :( E quando a encontramos depois de tantos dias e noites à procura dela foi uma alegria que não tem explicação . Ela é da família e enche-me de amor , carinho e verdadeira amizade e lealdade .
    Não há amor como o dos animais .

    ResponderEliminar
  10. Subscrevo o que dizes, Pink.
    O abandono de animais não tem justificação possível, faça chuva ou sol, Verão ou Inverno, com crise ou sem crise. Quem escolhe um animal de companhia está a introduzir um novo membro na família, que passa a ter direitos como tal
    O que se passa é que em Portugal as leis existem mas a Justiça é ainda muito branda a impô-las.
    O abandono na estrada, então é do mais cruel que há. Noverão passado até deixaram algures num país dois cães com as coleiras amarradas um ao outro, um cão grande e um pequenito... ficaram em estado lastimável mas foram salvos. Deviam querer que quem atropelasse um atropelasse o outro ou quem adoptasse um adoptasse ambos.
    Não há justiça,até nisto.
    Deviam aplicar pena de prisão efectiva, numa cela exígua e fria com um pedaço de pão duro e água num canto, ou deixando esses "donos" amarrados a um separador da estrada, para se "borrarem"! :(

    ResponderEliminar
  11. Oh pois, isso também é uma assunto que me preocupa seja em que altura for, as pessoas que os abandonam nem pessoas deviam ser consideradas, é uma crueldade.
    Olha aqui há dias apareceu-me uma gata cá em casa, bebé, perguntamos já a várias pessoas que moram aqui por perto se a gata era deles ou se sabiam de quem era, mas não, ninguém sabe, o mais provável é alguém a ter abandonado, ficamos então nós com ela, não era capaz de a deixar na rua (aliás sempre que vejo um animal na rua só me apetece trazer-lo para casa ^.^)
    Uma vez, aqui há uns anos, eu estava a regar o jardim e passou uma pessoa de mota e atirou-me um saco para a relva, fui ver o que era e era um cãozinho bebé também, fiquei chocada e muito triste, não ficamos com ele porque não podíamos, mas o meu pai levou-o para um amigo.
    Aqui na minha zona é tudo muito sossegado, não tem muita gente e assim e as pessoas aproveitam-se de sítios como estes para abandonar os animais, é triste!
    Um beijinho :)

    ResponderEliminar
  12. Concordo contigo.
    É chocante a quantidade de animais que se vê assim por aí a vagear.
    Se as pessoas não conseguem/não têm paciência/ (...) para ter os animais deviam , quem já os tem, pelos menos preocupar-se em dá-los a alguém que tenha condições para os manter ou então nem sequer os tinham !

    ResponderEliminar
  13. Concordo e por mais que pense no assunto, não consigo entender pessoas que fazem isto.

    ResponderEliminar
  14. Também não entendo o que leva as pessoas a fazerem isso...

    ResponderEliminar
  15. Infelizmente trata-se de um assunto que já não é só do verão. Dizem que é fruto da crise.
    Os mais fracos são sempre os primeiros a sofrer.

    beijinho

    ResponderEliminar
  16. O meu pequeno vai cmg para todo lado :)

    ResponderEliminar
  17. Tive mesmo que tomar essa decisão, caso contrário, nunca ia conseguir valorizar-me .. Mas custa, muito.
    Quanto ao tema, concordo com tudo o que disseste. Sou sensível a ele, ainda ponderei ler até ao fim porque quando me deparo com estas realidades só me dá vontade de chorar. Às vezes chego mesmo a pensar que mais depressa valorizava um animal, do que uma pessoa. E há casos em que têm muito vais valor que alguém. Não sei como é que há alguém capaz de os abandonar, de os tratar mal. Quando vejo cães/gatos abandonados, só tenho vontade de os trazer a todos para casa. Como é óbvio, nunca vou poder .. Mas espero um dia poder contribuir. O mínimo gesto faz toda a diferença. Beijinho

    ResponderEliminar
  18. Concordo inteiramente contigo. Acho que quem abandona os "seus "animais deveria ser punido judicialmente talvez assim pensassem duas vezes antes sequer de adoptar, pois mais valia não os adoptarem já que depois os abandonam sem dó nem piedade, será que essas gente não consegue amar?! sim porque abandonar é isso mesmo falta de amor e afeicção. Tadinhos dos bichinhos. :(

    ResponderEliminar
  19. Não podia concordar mais. E essa bloguer devia era ter vergonha na cara!

    ResponderEliminar
  20. Se soubesses como me revejo nas tuas palavras...tenho uma gata e uma cadela e fui de férias e não as abandonei...morride saudades da cadela que ficou num hotel. Mas venho de uma família onde os animais são olhados de lado, por isso já não me escandalizo com certos comportamentos. Estou habituada a eles. Não quer dizer que concorde!

    ResponderEliminar
  21. É triste... os cãezinhos são muito bonitinhos enquanto são cachorros, depois perdem o encanto todo. Eu concordo quando dizes que essas pessoas deviam ser punidas. Além disso, era mais um rendimento para o Estado em vez de andar a cortar onde não deve...

    ResponderEliminar
  22. É tudo muito bonito quando o animal é pequenino e depois é vê-los a abandoná-los como se não valessem nada :( Fico triste porque acho que quando tens um animal, ele passa a fazer parte da tua família e se não abandonas o teu pai, a tua mãe ou os teus irmãos, porque raio é que abandonas o teu animal de estimação? Quem não os quer, que não os compre e/ou adopte.

    ResponderEliminar
  23. Credo, a gaja comentou mesmo isso?
    Eu nunca seria capaz de fazer isso e se pudesse estava rodeada de cães que precisam de um lar. Para mim quem faz isso a um animal é má pessoa, não há justificação possível.

    ResponderEliminar
  24. Este sempre foi um assunto que me sensibilizou muito, sobretudo agora que tenho uma cadelinha como animal de estimação.
    É desumano os tratos que certos animais recebem, no entanto existem pessoas que não pensam como nós e tratam os outros animais "abaixo de cão". Outra coisa que as pessoas não entendem é que os cães não são "cães", mas seres vivos que devem de ser amados e bem tratados, tratados como animais de estimação, pois é por isso que os adquirem. Se não querem os animais que ao menos não os façam sofrer!

    Kisses, Em**


    http://simplicityischic.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  25. Sou uma defensora dos animais, contribuo sempre que posso e já colaborei com uma associação, para além de apadrinhar animais. É uma pena essa mentalidade de que se fossem pessoas ajudavam. Os animais não têm voz, não se podem queixar nem defender dos abandonos. É uma pena que não exista uma legislação como deve de ser e que tenha mesmo de ser cumprida. É muito triste...

    http://nobresonho.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  26. Nada melhor para responder ao teu post do que com este meu: http://pinupme2.blogspot.pt/2012/08/alguem-pode-ajudar.html
    Tenho muito orgulho em pertencer à União Zoófila :)

    ResponderEliminar
  27. Custa-me muito ver animais abandonados. A minha foi abandonada, adoptei-a e agora é a alegria da minha casa. Adoro mesmo a minha cadelinha.

    ResponderEliminar
  28. Também me custa ver isso, e sinceramente acho que as pessoas deviam ser punidas por fazer tal coisa. Multadas ou assim.

    ResponderEliminar
  29. Infelizmente á tanta gente a abandonar os bichinhos =(

    ResponderEliminar
  30. Não gosto de ver os animais presos, mete-me imensa confusão :(

    E pessoas assim nunca deveriam ter animais em casa.

    ResponderEliminar