06/09/2012

#24 - Uma carta para os meus pais


Querida Mãezinha,

Obrigada por todas as vezes que me cataste durante a minha curta vidinha nesta terra. Obrigada por todos os produtos contra piolhos que me compraste. Obrigada por todas as horas que passaste de joelhos na beira da banheira a pentear-me, e a ver os piolhos cair. Obrigada pelas horas que passei com a cabeça no teu colo enquanto me espremias tudo o que apresentava sinais de vida no meu couro cabeludo. E NÃO obrigada pelos cortes à tigela, ou à rapaz para escapar aos piolhos que me fizeram sentir miserável durante a minha infância. De qualquer maneira, obrigada por mais uma vez me teres acabado com a praga no meu lindo cabelo, e estar oficialmente piolho free!
Quanto ao meu pai, obrigadinha por teres gozado comigo a manhã toda! Se não fosses careca, passava-te já esta praga para veres o que era bom para a tosse...

Da sempre tua ex piolhosa,

Pretty in Pink

32 comentários:

  1. Genial esta tua carta :)
    O que eu me ri a ler isto.

    ResponderEliminar
  2. ahahah! E assim de uma penada ficámos a saber que tiveste penteados à tigela e o teu pai é careca Pretty

    ResponderEliminar
  3. Hahaha!
    Essa carta ficou mesmo muito engraçada, minha querida!

    ResponderEliminar
  4. Pobre de ti isso custa tanto! Graças a Deus só fui uma vez atacada, tinha para aí uns 14 anos mas contagiei o meu irmão que ainda era bebé a minha pobre mãe loool foi péssimo!

    ResponderEliminar
  5. Teve piada, boa carta! E as melhoras :)

    ResponderEliminar
  6. Olha que se eu apanhasse piolhos nenhum dos mus pais me catava :P Iam estar demasiado ocupados a gozar comigo :P

    Beijinhos :D

    ResponderEliminar
  7. Ahaha
    Eu também sofri disso em criança! :$

    ResponderEliminar
  8. Ahahah, gostei :pp
    Às vezes acontece, e quando se trabalha em sítios como referiste no post anterior, cheios de crianças, ainda pior. Mas ainda bem que já passou :)

    ResponderEliminar
  9. HAHAHAHA eu também sofri o mal dos cortes à tigela e à rapaz, tudo por causa desses sacaninhas! lol

    ResponderEliminar
  10. eu também já tive milhares de vezes quando era mais nova... E horrível, mas agora da para rir... Espero que passe rápido! Beijinho

    wearasmile-lt.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. Ahhaah o texto ficou demais, fez-me lembrar o que eu sofri com os famosos dos piolhos =X ahah

    Beijoca*

    ResponderEliminar
  12. ahahahaha o que eu já me ri a ler os textos passados, realmente que azar teres apanhado isso! eu só apanhei uma vez e lembro-me que chorei tanto quando a minha mãe me estava a catar lol
    adorei a tua carta hehehe

    ResponderEliminar
  13. hahahahha, adorei "ex-piolhuda"!
    muitooo fofa sua cartinha!
    beijoos, querida!

    ResponderEliminar
  14. Em 4 anos de estágios e 6 anos de trabalho com vagas de piolhos em todas as escolas por onde passei nunca apanhei mas pelo-me de medo de cada vez que descubro que há um praga deles. É andar sempre de cabelo apanhado o mais alto possivel e chegar a casa e encher o cabelo de vinagre. Não falha! E esses champoos repelentes é so para irem ao bolso do parvo que as minhas colegas usaram e apanharam na mesma, é tudo uma questão de sorte. Senao, olha cata-se lol

    ResponderEliminar
  15. Ex-piolhosa, muitos parabéns por teres conseguido acabar com essa praga. No entanto, acho que teria muita piada ver-te coçar e coçar. Com cumprimentos, a não piolhosa (para já)

    ResponderEliminar
  16. Fiquei com comichão na cabeça só por ler isto, ahahah

    ResponderEliminar
  17. Nunca percebi porque cortavam o cabelo por causa dos piolhos.
    Não se vão embora por o cabelo estar mais curto.
    O problema é pentear os longos cabelos? Nada que uma dose de paciência não resolva.

    Beijinhos e usufrui do teu couro cabeludo sem comichão.
    Que diferença, hein?

    beijinho

    ResponderEliminar
  18. Eu trabalho num local com crianças e não me admirava nada se um desses bichinhos visses parar à minha cabeça. Até fico com comichão só de pensar! :D

    Bjs*

    ResponderEliminar
  19. Coitada de ti! Espero que já tinha passo de vez!

    ResponderEliminar
  20. Um dos motivos que detestava vir a Portugal nas férias era porque ia carregada de piolhos. Os meus primos que nunca tomavam banho e com quem eu adorava brincar (blhéc) emprestavam-me sempre uns quantos para levar comigo.

    ResponderEliminar