19/01/2013

Tempos de mudança


Agora que as coisas estão a acalmar e as ideias estão finalmente a ficar no lugar, há decisões que precisam ser tomadas. Como é normal, quando algo assim nos acontece, é normal recorrer-se às amigas mais próximas e ouvir os seus conselhos. De todas as com quem desabafei a opinião parece ser unânime. Levaram o fim da relação como algo que ele não me poderia ter feito e o melhor é cortar a relação pela raiz. Eu admito, que esse foi o meu primeiro pensamento e eu percebo a opinião de todas elas. O problema é que só há duas pessoas que sabem ver se isso é certo ou não, e esses pessoas sou eu e ele. A verdade é que temos saído, temos falado bastante. É algo que sempre fizemos e eu não queria de modo algum que ele fosse embora e eu tivesse perguntas por responder. Tive resposta a todas elas, e claro percebi o lado dele. 
Não é o caso de haver um lado certo e um errado, não é por traição, não é por nada horrível que o melhor para mim seja nunca mais olhar para a cara dele. Basicamente o que se passa, é que durante estes 5 meses verdade seja dita nenhum de nós foi feliz, eu sofri muito, e o melhor mesmo é o sofrimento de certo modo acabar por aqui. Por mais que duas pessoas gostem uma da outra, basta uma não acreditar em relações à distancia para as coisas não darem. Ele nunca acreditou, e por mais que quisesse tentar, esse fantasma andava sempre a pairar, como se ele já soubesse qual seria o desfecho. Enquanto eu me focava bastante nele por estar no ambiente onde ambos vivemos 6 anos maravilhosos, ele tem outra vida, e pensar em mim não é a prioridade. E eu percebo, a sério que percebo. Há um trabalho extremamente rigoroso para se fazer, há um sitio novo para descobrir, e uma vida independente para explorar. Portanto de momento não é correcto estarmos presos a algo que não podemos dar o nosso máximo.
Só que há algo que não nos deixa afastarmo-nos um do outro. Tivemos 6 anos maravilhosos, de uma relação perto da perfeição, em que para além de namorados havia uma enorme cumplicidade de dois grandes amigos. 
Nem eu nem ele nos imaginamos sem o outro na vida do outro. Ele é o meu melhor amigo e eu não consigo perder ao mesmo tempo o meu namorado e o meu melhor amigo. É a pessoa que melhor me conhece, que melhor me compreende, e do outro lado acaba por se passar o mesmo.
Claro que não digo que vai continuar tudo igual e só mudará o "título" que rotula a nossa relação. É preciso fazer um luto, é preciso manter a distancia.
E uma coisa lhe disse. Neste momento estou tão cansada por tudo o que dei de mim estes 5 meses que se ele me quiser na sua vida, terá de me procurar. Chega de dias enfiada no skype sem viver a minha vida, sms durante todo o dia, chega chega isso tudo.
Mas realmente é impensável imaginar passar na rua e dizer só "Olá" ou até fazer mesmo que somos dois estranhos. Quando se teve uma relação tão boa que não teve pontos baixos, de duas pessoas que se completam e percebem de tamanha maneira, essas pessoas não se podem transformar em dois estranhos. De momento a relação amorosa não é possível, ninguém sabe o dia de amanhã, e não quero de todo ser encarada como a coitadinha enquanto ele é o mau da fita. Ele fez algo que lhe custou bastante, mas que na verdade acaba por ser o mais acertado.
Se me vou magoar por continuar presa a alguém que gostaria de ter de outro modo? Talvez sim, talvez não...É daquelas coisas que irei descobrir mais tarde. De qualquer modo e volto a dizer, vou finalmente focar-me em mim e tentar que a minha felicidade passe por mim. São tempos difíceis, de mudança, de incerteza, mas eles chegarão ao fim e tenho a certeza que trarão coisas maravilhosas para a minha vida!

41 comentários:

  1. percebo tão bem este teu texto... :/

    ResponderEliminar
  2. Oi, Só li agora o que aconteceu pq tenho andado um pouco desligada e fiquei muito triste com a situação que estás a passar e acredito que estás a sofrer mais do que fazes parecer.Espero que este temporal passe rápido e que chegue rapidamente a bonança à tua vida.
    Bjs grandes.
    Betty

    ResponderEliminar
  3. Disseste tanta coisa neste texto semelhante ao q te contei no meu email que parece que me revejo há uns anos atrás. A maior parte das pessoas julga que ficar presa a uma pessoa que se ama depois da relação acabar é mau e q magoa. Poderá ser. Mas nem sempre funciona assim. Se ele é teu amigo e te conhece bem, não vejo motivos para se afastarem. Farão o luto, certamente, como dizes, a relação muda, mas o tempo irá encarregar-se de vos manter como bons amigos, porque desses precisamos sempre. E ele pode ser um bom apoio neste momento. Se quiser, de facto, continuar teu amigo, irá procurar-te, como lhe disseste. De uma amizade, quer-se o mesmo que de uma relação amorosa, esforço das duas partes. E aplaudo de pé que tenhas a cabeça no lugar para perceber que vais ter que viver a tua vida. Um grande beijinho e muita força

    ResponderEliminar
  4. É assim mesmo! Erguer a cabeça e seguir em frente! E como eu te compreendo! Também vejo no meu namorado o meu melhor amigo... e quando tive aquele "corte" que te contei, custou-me tanto, mas tanto a ausência desse ombro amigo! Grande beijinho,

    Inês Fernandes

    ResponderEliminar
  5. O que é teu, à tua mão vem ter. Mas às vezes temos mesmo de lutar por elas. Ainda bem que estás mais calma e com discernimento para compreender as coisas e levar a vida em frente.

    ResponderEliminar
  6. É normal que isto tenha acontecido visto que estão longe um do outro e o trabalho dele é bastante exigente e consome-lhe grande parte do tempo que tem... Só mesmo tu e ele é que sabem o que passaram e acho que não devem mesmo cortar os laços que vos unem... Porque o dia de amanhã ninguém o sabe e acredita que tudo pode mudar, ele pode voltar e vocês podem ser felizes juntos novamente... Claro que isto levará o seu tempo e o melhor que tens a fazer neste momento é mesmo dedicares mais do teu tempo a ti e aos que te estão próximos... Ele procurar-te-a sempre que sentir a tua falta e isso vai acontecer de certeza, e vais ver que o facto de estares ocupada, te vai fazer muito bem :) o que disseste de ficar no skype à espera de uma ligação que nem sabias se ia aconteçer não era realmente saudável para ti :)
    Mantém-no como o amigo que sempre foi e tenta viver a tua vida da melhor forma que conseguires... Vai correr tudo bem, vais ver :) beijinhos e coragem para esta nova fase :)

    ResponderEliminar
  7. Lindas e sábias palavras!

    é verdade, é necessário fazer o luto senão o sentimento nunca é dado como morto. é preciso chorar, apagar o numero ( é necessário porque é como uma droga, e no período de abstinência não há nada nem ninguém k te faça desistir do propósito de o ligar)

    Acreditar sempre que é possível e que o tempo cura tudo (mm que demora muito mas cura)

    Boa sorte querida. Muita paz

    ResponderEliminar
  8. Fazes bem em falar com ele para ter resposta às tuas perguntas mas tanta proximidade pode-te deixar ainda pior porque ainda não sabes o que é não estar com ele e não falar com ele.
    Mas tu é que sabes e no fim eu sei que vais ficar bem :D

    ResponderEliminar
  9. Entendo perfeitamente o que estas a dizer. O mais complicado é mesmo o 'luto' mas tens que encarar isso como uma mudança na tua vida. Dá-lhe o espaço dele e cria o teu próprio :) Vais ver que tudo vai correr bem!! 'Tens-nos' a nós aqui e podes sempre desabafar, que é o melhor a fazer nestas situações.
    Tudo vai correr bem! Pensa sempre positivo e tenta criar, se conseguires com o tempo, outro tipo de relação: como amigos, melhores amigos como tu própria disseste. De resto sê positiva e sempre sorridente!!
    Beijinho querida,
    Rute

    ResponderEliminar
  10. Acho que as tuas perguntas só o tempo poderá responder, de qualquer forma, imagino que seja muito difícil dizer adeus a alguém com quem partilhamos tanto... E é claro, que podem ser amigos. Isso depende muito de como acaba uma relação, se é o melhor para vocês... Cuida de ti, Pink, tu mereces :)

    E não te esqueças que, nós estamos sempre em primeiro lugar ;)

    Beijito*

    ResponderEliminar
  11. Interessante!

    Se gostares: http://oburguessocial.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  12. Compreendo a tua posição. Afinal foram 6 anos.
    Mas de facto agora é pensares primeiro em ti e no que faz bem.

    bjs

    ResponderEliminar
  13. Luta para seres feliz, se essa felicidade passa por continuar amiga dele é isso que deves fazer! Força, não me imagino numa situação assim, mas acredito que vais conseguir ultrapassar! Bjinhos***

    ResponderEliminar
  14. Olá, acabo de aqui chegar "pela mão" da Belle.
    Ainda não tive tempo de ler muito, mas já percebi uma pontinha daquilo que se está a passar...
    Não desistas de ti! Nunca.
    Também eu te posso dar o meu testemunho.
    Custa muito, mas aguenta-se e supera-se. Acredita.
    Beijinho grande, já sabes onde me encontrar!

    ResponderEliminar
  15. Isso é que foi um texto racional :)....é assim mesmo :)

    http://semjeitonenhum.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  16. emocionei-me ao ler o teu texto :s
    compreendo a posição dos dois, e talvez sim, foi o mais acertado a fazer. e sim, está na hora de pensares somente em ti e cuidares de ti! :)
    força princesa*

    ResponderEliminar
  17. A meu ver quando uma pessoa ama, quer estar com a outra, ou pelo menos fazer tudo para no futuro isso acontecer, a distancia é dificil mas resolve-se, só que nem todas as pessoas são iguais, e pensam da mesma maneira, é assim mesmo a vida!
    Agora compreendo que não queiras perder o teu amigo, mas acho que fazes muito bem em pensar em ti, e fazeres coisas por ti! Realmente ele se quiser a tua amizade terá de fazer por isso! Mas nunca deixes de pensar primeiro em ti e ser feliz acima de tudo!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  18. é assim mesmo, muita força! mereces ser feliz :)

    ResponderEliminar
  19. Oh querida força. Se precisares de falar já sabes que podes contar comigo ^^

    ResponderEliminar
  20. Com o tempo tudo ficará bem, vais ver :-) eu também entendo o lado dele, como aliás já te tinha dito! beijinhos e força *

    ResponderEliminar
  21. Fico feliz que tenhas tão boa capacidade de discernimento numa situação como esta. Concordo que mesmo tendo perdido o namorado, não queiras perder o amigo. Agora é como disseste dar um tempo para curar as feridas e depois vais ver que tudo será diferente. Mima-te e olha sempre em frente!A vida por vezes testa-nos e somos nós que temos de mostrar se estamos à altura ou não de enfrentar a situação. E pelo que acabei de ler, tu estás!:) Beijinhos e força*

    ResponderEliminar
  22. Eu que ando meio a leste da blogosfera fiquei surpreendidíssima com isto!! Fogo querida nunca pensei mesmo que tal acontecesse :( Muita força.

    ResponderEliminar
  23. Acho que estás a gerir esta situação de uma maneira muito saudável. Um beijinho :)

    ResponderEliminar
  24. Força para ti!
    Nunca são coisas faceis e nunca hà uma boa ou uma mà maneira.. tens de seguir aquilo que achas bem para ti!
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  25. Gostei muito deste texto, mostra que tens pensado calmamente no assunto. Vai correr tudo bem, parece-me que estás no caminho certo ;) *

    ResponderEliminar
  26. Gostei bastante do que escreves-te, principalmente da parte em que tens de pensar mais em ti e no que é melhor para ti. Vai tudo correr bem e se tiver que acontecer alguma coisa, acontecerá.

    ResponderEliminar
  27. Fico tão contente por ler isto! É isso :) sem ressentimentos, nem dores irracionais - é meio caminho andado para conseguires ultrapassar isto...não podes controlar a forma como o amas ou o tempo que vai demorar a passar, mas acredito que não ter motivos para pensar "mal dele" seja um bom caminho para nem sequer pensar nele - ou quando pensares, recordares apenas aquilo que de bom tiveram e a vossa amizade (esse tipo de amor acredito que é muito mais forte que o romântico!). Eu falo muito de cor porque nunca passei por isso, é certo, mas pelo que vejo à minha volta, é mesmo a melhor maneira. Mas por agora torna-te "egoísta": é o teu tempo, é a altura para recuperares todas as forças que "perdeste" ao longo destes meses em que deste tudo. Força! :) um grande beijinho*

    ResponderEliminar
  28. A situação não é fácil, mas primeiro pensa em ti e muita força para esta fase :)

    ResponderEliminar
  29. Só tu te conheces o suficiente para saber o que é melhor para ti. E com o tempo encontrarás todas as respostas. Eu, sem conhecimento de facto, concordo com a tua/vossa forma de pensar e agir em relação à "relação" do momento.

    ResponderEliminar
  30. Tens de pensar o que é melhor para TI e não o que é melhor para vocês. Daqui a algum tempo, quando o teu coração estiver mais forte e menos ferido, vais pensar de forma diferente. Um abraço cheio de carinho!

    ResponderEliminar
  31. Admiro a tua capacidade de resposta e de pensar sobre o assunto. Se fosse comigo, teria sido o fim do mundo e de certeza que ainda andava a chorar pelos cantos. Fico feliz por estares a encarar a situação desta forma! Muita força!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  32. tens de ser forte, vais conseguir ultrapassar isto tudo! e depois da tempestade vem a bonança! sempre com pensamento positivo! beijinho grande

    ResponderEliminar
  33. Parece-me bem. Estão a ter bom senso e a serem civilizados um com o outro.
    Claro que só vocês poderão decidir o vosso futuro, juntos ou não, mas se conseguirem manter uma amizade isso é optimo, desde que depois essa amizade não traga ainda mais sofrimento por as coisas não darem certo, por em quanto.
    Desejo-te felicidades, com ou sem ele, porque todos nós merecemos ser felizes :)
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  34. Gostei muito do teu texto pois mostra que estás a encarar as coisas de maneira diferente.
    Nota-se que tens força e que queres lutar por ti =)

    E fazes tu muito bem =)
    Tu tens contigo própria, a única relação que vai durar para sempre, por isso, estima-te =)
    Continua com essa força que acabaste de mostrar.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  35. Se forem destinados a ficar juntos...a vida assim o dirá :) aproveita bem todos os dias...não esqueças a relação que tives-te, até porque foi ela que te fez crescer, fez parte da tua vida....tenta pensar que agora és só tu! Tu e as pessoas que te rodeiam...ele vai para longe, o que ajuda mais um bocadinho porque não vais estar constantemente a vê-lo....
    Sê Feliz! Sê Forte! Tu consegues mesmo :)
    Beijinhos linda ^.^

    ResponderEliminar
  36. Eu entendo perfeitamente o lado dele, e aliás, quando disseste aqui que tinham decidido manter a relação à distância, eu disse que não acreditava em tal coisa, e mantenho. Quando não é possível estar fisicamente com a outra pessoa, não se tem uma relação. Ainda assim, quiseste tentar e acho que fizeste muito bem, porque agora que acabou, saber que deste tudo de ti e tentaste realmente. Por outro lado, nestes casos, o melhor mesmo é ir cada um para ser lado e cortarem relações, pelo menos nos primeiros tempos, caso contrário vai existir sempre em ti principalmente, a esperança de que as coisas voltem ao que eram.
    Eu não te conheço e a minha opinião vale o que vale, mas sinceramente, por experiência própria, é melhor assim, cortar de vez.

    ResponderEliminar