21/10/2014

Desempregada Report #2



A procura de trabalho não tem parado. Tenho feito de tudo o que me lembro e ainda nada. Sexta-feira tive uma entrevista. Não era para nada de especial, um part-time de dois meses no shopping que me deixaria entretida até ao inicio do ano e arranjar algo melhor. Muito sinceramente acho que a entrevista correu lindamente. Por tudo o que a pessoa que me entrevistou me disse eu percebi que tinha o perfil para o que eles pretendiam. Viu-se que a pessoa gostou do meu currículo, gostou das minhas respostas e eu fiquei com aquela esperançazinha de que iria ser chamada. Modéstia à parte e porque sei ver a realidade das coisas eu sei que tinha o que era preciso para aquele trabalho. Disseram que segunda de manhã daria noticias e nada. Percebi a mensagem. E claro depois começa aquilo pelo qual todos os desempregados passam: As perguntas que não têm resposta.
Porque não me escolheram? O que fiz de mal na entrevista? O que tinham os escolhidos a mais que eu não tinha?
São perguntas que não podemos deixar que nos atormentem! Podemos pensar nelas duas ou três vezes e depois sempre em frente que a trás vem gente.
Mas sei lá...acho que até era bom para quem não é escolhido saber porque não o foi. Só para que esteja mais preparado para a próxima e para não cometer os mesmos erros...Ou mesmo que não tenha cometido nenhuns para ter aquele assunto encerrado.
Mas também sei que isso não vai acontecer. Ninguém quer perder tempo nisso....É só carne para canhão, só interessa quem fica!
Mas eu sei que não podemos desanimar com os nãos! Um dia vai chegar a nossa vez, só não podemos é desistir!

20 comentários:

  1. Tenho a certeza que vai aparecer qualquer coisa. E, mais tarde ou mais cedo, aquilo que realmente procuras :)

    ResponderEliminar
  2. Vais ver que ainda te chamam :)
    Percebo bem quando temos perguntas sem resposta, mas o mercado de trabalho é mesmo assim, as pessoas que tratam do recrutamento por vezes esquecem-se que também já estiveram no nosso lugar. Tem esperança *

    ResponderEliminar
  3. O importante é não desanimar. Força
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Claro que sim :) não duvides que a tua oportunidade chega, o importante é não parares de lutar e acreditar em ti!

    http://world-of-wanderlust.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. é horrível quando isso acontece..
    mas força e não desistas..

    kisses***

    ResponderEliminar
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  7. Não percas o optimismo!
    Algo melhor vai aparecer :)
    (Mudei do blog Sem açúcar se faz favor ;p)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Não desistas, sei que não nada fácil e acredita que já passei por uma situação igual á coisa de dois anos atrás, o importante é não desistir!

    Bjxxx e boa sorte

    ResponderEliminar
  9. Sim, desistir não pode ser opção! :)
    Vais ver que quando menos esperares tens boas noticias!
    Beijinho querida*

    ResponderEliminar
  10. Sei bem o que isso é. Não tem muito tempo isso aconteceu-me. Sai da entrevista com uma esperança tão grande porque o entrevistador disse que eu tinha mesmo o perfil ideal e nunca mais me falaram nada e eu ainda perguntei 2 vezes mas a resposta que me deram sempre foi que ainda não tinham tomado uma decisão. Tretas! Enfim, chega uma altura que é desanimador!

    ResponderEliminar
  11. Isso acontece muito, mas já sabes: quanto mais vezes insistirmos, mais aumenta a possibilidade de conseguirmos o que queremos, é uma questão de tempo e de número de tentativas!
    Força!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. É preciso calma, tudo se resolve (:

    Há algum tempo que te sigo Pretty, e a verdade é que me comecei a rever em ti um pouco. Comecei a trabalhar também num centro de estudos, em que o ambiente e a organização daquilo era horrível, aguentei-me lá cerca de um ano depois de terminar o curso, porque a alternativa - ficar em casa - não me parecia melhor.. Agora, um ano depois consegui finalmente estágio.. Para veres como é preciso calma, enviei o CV para a empresa em Março, fui chamada para a 1ª entrevista em Maio, seguiu-se muito tempo de espera e mais entrevistas para a mesma empresa e só este mês é que finalmente avançaram com a proposta de estágio, em que deverei começar no final do mês.. Por isso, acima de tudo é preciso muita paciência..

    ResponderEliminar
  13. Sei bem o que é...
    Por aqui é assim começa um novo mês e a esperança é renovada "é agora, é este mês, agora é que vou conseguir" e entretanto o mês vai passando e nada, a esperança começa a esmorecer "ainda não é este mês...", começa um novo mês e a esperança é renovada, and so on, and so on...
    Mas há uma ideia que está sempre cá "Com toda a certeza alguma coisa há-de estar reservada para mim! e tudo aparece no momento certo, e se ainda não apareceu é porque ainda não teve de ser, até lá vai-se tentando todos os dias!" Mando uma média de 30/40 curriculos por mês, algum dia vai chegar a minha vez, tal como a tua, basta acreditar ;)

    Bjks***

    ResponderEliminar
  14. Não desanimes...vais ver que o teu momento vai chegar ;) força!

    ResponderEliminar
  15. Isso acontece muito, não desanimes! Força!! Há males que vêm por bem, vais ver que quanto menos esperas, é quando te aparece o que mais queres ;)

    ResponderEliminar
  16. Isso de não obter resposta é que me lixa assim à grande, a sério =S

    Força! Também já ando a mandar curriculuns de novo.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  17. essa do ''depois ligamos, mesmo que não fique'' é tudo uma grande treta. Enfim :\

    ResponderEliminar
  18. Lembro-me tão bem do quanto me fizeram sofrer por causa de não ter recebido qualquer tipo de resposta às entrevistas onde ia... calma, sei que vou ler brevemente que conseguiste :)))))))

    ResponderEliminar
  19. Eu não penso nisso do porquê de não ficar, penso no porquê das pessoas que entrevistam (empresas) não terem o mínimo respeito e educação, e nem sequer se dignarem a dizer que não ficámos. Mas é o "pão nosso de cada dia" neste país.

    ResponderEliminar