11/03/2015

O mundo do (não) trabalho


Às vezes ainda me consigo espantar com o que me contam sobre a procura de trabalho. Por um lado choca-me aquelas pessoas (e há tantas!) que se queixam de manhã à noite que estão desempregadas e não arranjam nada...Mas essas mesmas pessoas quando confrontadas com possibilidades de emprego põem 1001 defeitos, nada serve. É melhor ficar no desemprego. 
 Mas o que me consegue espantar ainda mais são as pessoas que se dão ao trabalho de irem a entrevistas fazer figura de parvas.
Tenho uma amiga que é gerente numa loja de shopping, sendo por isso ela que faz as contratações. Segundo ela, é normalíssimo aparecerem pessoas para a entrevista que dizem: "Atenção que a minha disponibilidade é só durante a semana das 9 às 18 com folga ao fim de semana."
Mas as pessoas são parvas? Não sabem que esse tipo de horário é impossível num shopping? Também eles não gostam de ir lá passear ao fim de semana?
Ou então ainda pior: típica rapariga super desenrascada e vistosa com um currículo de fazer inveja! A minha amiga pergunta: "Ah já vi que tem aqui um currículo muito bom, deve ter bastante experiência...conte-me da sua experiência como gerente da loja X"
Vocês sabem qual foi a resposta!?!? "Ah eu nunca fui gerente de nada, eu só pus isso no currículo porque a minha gerente disse para por, que ficava bem"
Não há palavras....
Mas as pessoas são parvas? Inscrevem-se à parva em coisas só pra ter um carimbo? Dão respostas destas numa entrevista capazes de afundar um petroleiro?? É parvoíce ou falta de vontade de trabalhar? Sinceramente não percebo...

29 comentários:

  1. É mesmo falta de vontade de trabalhar...

    ResponderEliminar
  2. Tanta estupidez, senhores...! (E falta de vontade de trabalhar também, em muitos casos)

    ResponderEliminar
  3. Infelizmente sabe-se de muitas histórias assim. Por um lado querem mas depois... afinal já não querem e fazem essas ditas figuras! E ficam muito indignadas por não terem sido escolhidas para o lugar. Porque será?! *

    ResponderEliminar
  4. Só pode ser as duas coisas!! E um bocadinho de falta de noção da realidade!!

    ResponderEliminar
  5. Que estupidez!! E depois queixam-se que o país não evolui :(

    http://iminthemoodforblog.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  6. Imensas pessoas que fazem de tudo para não fazer nada, enfim...

    ResponderEliminar
  7. infelizmente é o que há mais por aí e o pior, é são essas mesmas pessoas as primeiras a queixarem-se...

    Beijinhos
    food&emotions
    http://fefoodemotions.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  8. Eu até posso compreender que o que se ganha para trabalhar em lojas num shopping é uma miséria, no entanto toda a gente sabe os horários que lá se praticam, não faz sentido isso, mas há pessoas para tudo, já nada me espanta.

    ResponderEliminar
  9. As pessoas são parvas, Pretty. São burrinhas, não têm mt noção da realidade. Das 9h às 18h num shopping, lol... é para rir mesmo!

    ResponderEliminar
  10. É falta de vontade de trabalhar, porque têm quem as sustente...meninas mal habituadas!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  11. Acho que é um bocadinho das duas coisas :))
    Bj S

    ResponderEliminar
  12. Acho que é um bocadinho das duas coisas :))
    Bj S

    ResponderEliminar
  13. anda aí muita gente à procura verdadeiramente e outras nem por isso!!!!

    ResponderEliminar
  14. O problema é que essas pessoas andam á procura de empregos num país onde só há trabalhos.. Ou acordam para a vida ou passam o resto da vida em entrevistas.. :s

    ResponderEliminar
  15. Nem acredito no que li.... Inventar coisas é demais realmente. Mas será parvoíce ou já desespero?

    Beijocas

    ResponderEliminar
  16. Se calhar é a junção de ambas: parvoíce e falta de vontade para trabalhar.

    r: Também acho que é :) quero mesmo aprender, mas também quero fazê-lo quando sentir que realmente me posso dedicar com regularidade, porque não gosto de me meter nas coisas e deixar a meio

    ResponderEliminar
  17. Eu começo a achar que as pessoas cada vez mais estão a ficar parvas de todo! Mas onde já se viu darem a disponibilidade numa entrevista de emprego? Querem ou não querem trabalhar? E inventar coisas no currículo só porque fica bem??

    ResponderEliminar
  18. Ahahaha essa foi de mestre. Vou pôr no meu currículo que já fui CEO de uma multinacional qualquer, pode ser que passe =P Sim, continua a haver muito disso. Só trabalham até as 6 e não fazem feriados e fins de semana e dps admiram-se... Já há muito poucos trabalhos assim, acho é que muita gente não se apercebeu disso.
    enfim...

    ResponderEliminar
  19. Não querem emprego, só querem mesmo o carimbo e continuar a receber o subsídio...

    ResponderEliminar
  20. Mas que coisas que será que as pessoas andam a pensar em fazer.
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  21. r: encontramos o apartamento no booking! ;) tem vários perto dos pontos turisticos: coliseu, vaticano etc.... É só escolher!

    ResponderEliminar
  22. Tenho uma prima que tinha uma loja dela. E ela conta que era raro o dia em que não aparecesse alguém a entregar o currículo, ao que ela dizia sempre que não andava a contratar. E por norma a pessoa respondia "eu também não quero ser contratado, quero é o carimbo!"
    Ao que ela manda-vos ir dar uma volta eheheh

    ResponderEliminar
  23. Não me estou a acreditar. Isso existe ?? :o

    ResponderEliminar
  24. Lol enfim... Há de tudo por aí é o que é.

    ResponderEliminar
  25. Conheço bem de perto casos desses. Dizem que fazem de tudo para conseguirem dinheiro ao fim do mês, quando se arranja para fazer umas horas dizem que não andaram a estudar para depois irem para as limpezas e pelo que vão ganhar ficam em casa. No dia seguinte, choram porque não tem dinheiro.

    ResponderEliminar