04/11/2015

Coisas que se aprendem


Começo agora a reparar que pela segunda vez caio no mesmo erro. Depositar a minha felicidade nas mãos de outra pessoa. Quantos de nós já não fizemos isto?
Sabe tão bem termos aquela pessoa do nosso lado, sentir o formigueiro na barriga a cada surpresa, a cada palavra de amor eterno, a cada chamada...
O nosso mundo começa a centra-se só naquilo e acreditamos mesmo que felicidade para nós está ali, naquela redoma.

E quando acaba? Quando acaba é-nos roubado o chão, a vida, a capacidade de raciocinar. Ficamos vazios, pensamos que não temos motivos para continuar em frente e que não há maneira nenhuma de sermos felizes outra vez. Como ser feliz, se a única coisa para o qual vivamos acabou?

E sabem o que aprendi desta vez? Que temos de ser felizes por nós próprios. A outra pessoa pode completar a nossa felicidade mas NUNCA ser o motivo que nos leva a levantar da cama todos os dias. Esse motivo temos de ser sempre NÓS. 

Aprendi que antes de sermos capazes de amar quem quer que seja temos de nos amar a nós próprios, como ser individual. Fazer aquilo que nos dá prazer, que nos faz ser quem somos. Dar valor às pequenas coisas que nos confortam e nos tornam melhores pessoas.

Há coisas tão simples que podem fazer a diferença...Falando por mim percebi que posso não ter ninguém na minha vida mas que tudo aquilo que eu gosto de fazer continua a ser possível de fazer, não depende de absolutamente mais ninguém que não EU. 

O simples facto de me deitar na minha cama, com as minhas mantinhas, a minha almofada numa noite fria, enche-me o coração. O ver um filme, ler um livro, ouvir uma musica, rir com amigos...Dar uma caminhada, respirar ar puro, viajar...

E ser uma pessoa de bem com a vida contamina, atrai boas energias, pessoas que percebem a nossa força e se revêm nela.

Acredito que cada fim trás uma aprendizagem e esta foi sem duvida nenhuma a minha. 
Neste momento estou numa relação comigo mesma, a mais duradoura da minha vida e que sem duvida irá durar até ao fim dos meus dias. Esta é a pessoa mais importante para mim, de quem pretendo cuidar e dar o melhor que pode ser dado. Experimentem fazer também isso com vocês mesmos! 

Uma excelente quarta-feira! =)

23 comentários:

  1. oh :( pareciam tão felizes juntos!!!
    Agora que tenhas força para superar! Agarra-te à tua gatinha que precisa muito de ti :P

    ResponderEliminar
  2. Tão bom ler isto! <3 é isso mesmo! E sem esquecer que qualquer relação virá a beneficiar dessa atitude, quando menos dependermos do outro, mais livremente amamos. :)

    Jiji

    ResponderEliminar
  3. Identifico-me com este texto a 100%... Mas existem muitas coisas que nos podem fazer felizes, sem implicar a presença de um namorado! Por isso é aproveitar e desfrutar do lado bom da vida :)

    Pensamentos positivos trazem coisas positivas, basta acreditar *

    ResponderEliminar
  4. Tão verdade! É exactamente isto que preciso conseguir fazer :)

    ResponderEliminar
  5. É mesmo isso, e ainda bem que não demoraste muito a perceber que o final de uma relação não é o fim do mundo (mesmo que pareça!!) e que o mais importante é não dependermos de ninguém para estarmos felizes! O amor é apenas um complemento fantástico (que te vai voltar a acontecer!!!)!
    Parece uma utopia, mas tudo isto é mesmo real! Força e agarra-te a ti própria, é o melhor que fazermos!! ;) Beijinho*

    http://zappingblogue.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  6. Este texto é todo ele uma verdade. A nossa felicidade nunca deveria depender de ninguém, apenas de nós próprios, pode sim ser complementada. Quanto mais felizes conseguirmos ser com nós próprios mais felicidade vamos passar aos outros.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. Acho que todos chegamos a aprender isso... mais cedo ou tarde mas apercebemo-nos que a felicidade está de facto nas nossas mãos.

    ResponderEliminar
  8. Tens toda a razão, mentem sempre isso em mente :)*

    ResponderEliminar
  9. Adorei adorei adorei e os meus parabéns!
    É assim mesmo!

    A minha fase não é bem como a tua, mas está complicadita. Admito.

    Beijocas

    ResponderEliminar
  10. É isso mesmo!!! O caminho é esse, a felicidade é essa.

    ResponderEliminar
  11. Parece-me que estas no caminho certo.... :)

    ResponderEliminar
  12. É esse o percurso, primeiro tu, depois o resto! Forcinha!

    ResponderEliminar
  13. é isso mesmo!o primeiro passo é gostar de ti própria.. é um processo longo e muitas vezes difícil, mas essencial! força!
    beijinhos

    Crónicas da T.

    ResponderEliminar
  14. É por isso que não devemos colocar a nossa felicidade no outro, mas em nós. O problema é que isto não é linear, muito menos automático.
    Estás no caminho certo!

    ResponderEliminar
  15. força! :) um beijinho e irás acabar por encontrar "o tal" e perceber que todos os relacionamentos anteriores serviram de aprendizagens

    ResponderEliminar
  16. nunca devemos fazer depender a nossa total felicidade numa pessoa só :)

    ResponderEliminar
  17. E aprendeste muito bem!! Um beijinho e força :)

    ResponderEliminar
  18. Muitas das vezes fazemos isso sem querer colocamos a felicidade nas mãos de outra pessoa, não é incorrecto desde que a principal felicidade esteja em nós mesmos.

    ResponderEliminar
  19. É fácil cair nesse erro... quase sempre o fazemos. Mas é efectivamente um erro!! E é ele que nos leva a desabar tão facilmente quando essa pessoa sai da nossa vida.

    ResponderEliminar
  20. Sabes aquela frase! ( não há caminho para a felicidade, a felicidade é o caminho)? pois é, a felicidade somos nós que a construímos, que a fazemos. Às vezes somos felizes porque temos alguem do nosso lado, sim é verdade, mas depois esse alguém vai embora, aí pensamos, fui feliz! mas acabou vou fazer outro caminho para ser feliz!! e é assim, a vida, essa se encarrega de nos dar as possibilidades e as aprendizagens para isso. Mas é preciso passar por todas elas para que nós saibamos como agir. Não é facil, não!! mas é assim mesmo construimos grandes sonhos grandes expetativas e dps dá mal?? seguir em frente é o caminho. Acredita que sei do que falo.. já passei muito, por o que estás a passar agora, mas tudo passa. Desejos de bom inicio de semana :)

    ResponderEliminar
  21. Tens toda a razão. Quando estamos numa relação em que nos entregamos totalmente (eu acho que só assim faz sentido) por vezes podemos achar que estamos a depositar na outra parte toda a nossa felicidade. Por vezes é só confusão nossa porque aquela pessoa faz-nos mesmo sentir felizes mas se pensarmos que sem ela podemos ser também (ainda que sem aquela parte "especial" do amor, como extra nas nossas vidas) então estamos na relação certa.
    Eu acredito que se estivermos com a pessoa que nos faz mesmo bem não temos hesitações ou receios nos nossos dias porque sabemos que temos ao nosso lado uma pessoa que nos irá ajudar e melhorar a nossa vida, não trazer mais preocupações ou problemas. Se achamos que só aquela pessoa dá sentido às nossas vidas algo de errado se está a passar. Agora é normal e bom sinal até acharmos que com aquela pessoa tudo faz "mais" sentido...não sei se me faço entender... De qualquer forma concordo com o que dizes e com o que a Nina partilhou também :)
    A lição que aprendeste é preciosa, nunca te esqueças dela :) Beijinhos

    ResponderEliminar
  22. Partilho dessa opinião :) se eu não gostar e cuidar de fazer mim verdadeiramente NINGUEM o fará por mim, e cada vez gosto mais de mim! E tu vais descobrir essa dávida em ti e nunca mais a vais querer! Tudo de bom e continua com as tuas escolhas

    ResponderEliminar